Príncipe Sugar Bars é campeão do 13º Potro do Futuro de Vaquejada


TEXTO COMUNICAÇÃO CORPORATIVA em 30/11/2015

 



A Vaquejada está no sangue, conta o campeão do 13º Potro do Futuro de Vaquejada (Amador), Adriano Borges de Medeiros, filho e neto de vaqueiros de Natal (RN). O novo título do puxador, que montou Príncipe Sugar Bars (Doc´s Sugar Bars FNS X Mocinha), foi conquistado na sexta-feira (27/11), no Parque Haras Ivandro Cunha Lima, em Campina Grande (PB). Palco também do Campeonato Nacional ABQM de Vaquejada, até este domingo (29/11).

 

De acordo com a Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha (ABQM), o Potro do Futuro reuniu animais da raça com até cinco anos hípicos. A disputa aconteceu em fases classificatórias, onde a gente tem que colocar quatro bois dentro da faixa, pra poder ir para a disputa, que consiste em um mata-mata, explica o esteireiro Wagner Pignataro Lima, que conduziu Kelly Keys Smow (Canário Keys Show x Miss Malandrinha PS).

 

Adriano reconhece que o esforço físico do puxador é maior, mas é categórico quando fala do desempenho de cada vaqueiro: a função do esteireiro é posicionar o boi para o puxador. Sempre deixando na posição para derrubá-lo dentro da faixa e fazer valer. Assim, os dois são muito importantes na pista e responsáveis pelo resultado. Todo o trabalho é executado em parceria, destaca. A dupla teve 100% de aproveitamento, após sete rodadas.

 

Emoção sem tamanho

 

A vitória é resultado de uma grande amizade com Wagner, que vem de infância, também de preparação e afinidade com o animal. Treinamos muito e hoje sentimos uma emoção que não tem tamanho, só Deus sabe a dimensão dela. Esse é o maior campeonato do país, com os maiores vaqueiros e os cavalos das melhores linhagens do Brasil. É uma Vaquejada modelo, conta o puxador que conhece as pistas de Vaquejada desde os cinco anos de idade.

 

Fotos: Aluíso Alves/ABQM


teste